Especialistas alertam que cochilo durante o dia podem antecipar o Alzheimer

180 views

Um recente estudo realizado por cientistas da Universidade da Califóia em San Francisco (UCSF), está causando uma grande preocupação.

- Anúncios -

Acontece que segundo esse estudo, o hábito constante do sono diurno pode acelerar problemas associados à memória e principalmente ao desenvolvimento do Alzheimer.

A explicação biológica para este acontecimento segundo os pesquisadores, é que o Alzheimer ataca diretamente regiões do cérebro responsáveis pela vigília durante o dia.

- Anúncios -

Segundo eles, a doença de Alzheimer ataca diretamente regiões do cérebro responsáveis pela vigília durante o dia. A nova pesquisa demonstra que essas regiões cerebrais (incluindo a parte do cérebro afetada pela narcolepsia) estão entre as primeiras vítimas de neurodegeneração da doença.

“Nosso trabalho mostra evidências definitivas de que as áreas do cérebro que promovem a vigília degeneram devido ao acúmulo de proteína tau – não amiloide – desde os primeiros estágios da doença”, disse a autora sênior do estudo, Lea Grinberg, professora associada de neurologia e patologia no Centro de Memória e Envelhecimento da UCSF e membro do Instituto Global de Saúde do Cérebro e do Instituto de Neurociências da Universidade da Califóia em Nova York.

Veja mais artigos do nosso portal: